O impacto da pandemia na digitalização dos pequenos negócios


Está mais do que claro: a Pandemia acelerou a digitalização dos pequenos negócios!

Se você possui um pequeno negócio, certamente vai se identificar com este artigo, ou, pelo menos deveria. A pandemia do novo Coronavírus vem impactando de maneira agressiva a maioria dos negócios em todo país, principalmente os pequenos empreendimentos.

As dificuldades fizeram com que muitos negócios migrassem para a área digital, essa sim só cresceu durante a pandemia. Se já era simples adquirir o produto de grandes marcas online, com o impacto da pandemia se tornou possível comprar de pequenos fornecedores e empreendedores sem sair de casa.

Este fenômeno deixa claro que a tecnologia não deve ficar restrita às grandes empresas e pode colaborar com pequenos empreendimentos desde o início. Além disso, mostra a força de superação das pequenas iniciativas que, muitas vezes, atendem um público regional – seja do mesmo bairro, distrito ou até em pequenas cidades.

LEIA TAMBÉM: Como escolher a melhor maquininha de cartão?

As mudanças:

Pequenos restaurantes hoje já contam com Apps próprios e super práticos para delivery, sítios e produtores locais desenvolveram suas lojas online, docerias com suas lojas no Instagram, estoque e controle de entregas via smartphones com atendimento por WhatsApp, etc.

Com o crescimento das oportunidades da venda a distância, tornou-se também imprescindível poder oferecer aos clientes opções de pagamentos online, seja por boleto, cartão de débito, crédito ou PIX.


Hoje, praticamente todas as empresas de pagamento já aceitam todas as opções disponíveis para pagamentos a distância.



Os principais canais

O impacto da pandemia na digitalização dos pequenos negócios
  • A plataforma WhatsApp é a preferida pelos empreendedores que inseriram o mundo virtual nas suas vendas, com 84% de adeptos.
  • Cerca de 90% das empresas que exercem atividades como Artesanato, Beleza e Moda, e que digitalizaram sua comercialização, usam esse recurso para vender seus produtos e serviços.
  • Instagram e Facebook são as próximas opções, com 54% e 51%, respectivamente.
  • Apenas 23% dos negócios vendem por sites próprios.

Estamos citando aqui apenas pequenos empresários com pouquíssimos recursos para projetos sofisticados de digitalização – muitas vezes, microempreendedores individuais (MEIs) com equipes de 1 ou 2 pessoas.

Analisando através de uma perspectiva de mercado, o diferencial desses produtores está no atendimento com personalidade e simpatia, desde o cuidado das embalagens sempre impecáveis e genuinamente cheias de propósito, até o pós vendas de forma one-to-one (um a um) para saber a opinião do cliente, algo que nem sempre faz parte do processo dos grandes negócios, que já tem este processo totalmente automatizado.

A importância da digitalização dos negócios

É muito importante compartilhar e estudar essas “novas” experiências com vocês! Através de um pouco de dedicação e comprometimento, muitas pequenas empresas elevaram o nível do atendimento para todas as outras – grandes, médias ou micro. Dessa maneira, o impacto que a digitalização causou é uma lição sobre como se reinventar em momentos de crise.

Não perca mais tempo, se atualize, estude e insira seu negócio nas ferramentas digitais.

Finalizo aqui este artigo com uma pergunta:

O que vocês têm feito para manter as vendas do seu negócio durante a pandemia???

LEIA TAMBÉM: Maquininha de Cartão para MEI 2021


Moderninha Pro

Aquira agora sua Moderninha Pro com um SUPER DESCONTO!

Você não paga aluguel, taxa de adesão, não precisa ter conta bancária, pode aceitar as principais bandeiras do mercado, além de vouchers como VR, Elo, entre outros, fazer recargas de celular para qualquer operadora e ainda tem 5 anos de garantia.

Garanta já a sua Moderninha Pro e aumente suas vendas!


ATENÇÃO: TODAS as maquininhas citadas em nosso blog podem e devem ser adquiridas nos sites oficiais indicados. Em caso de dúvidas no que se refere a compra da máquina, fale conosco pelo WhatsApp que teremos prazer em lhe ajudar.

O que achou deste artigo?

Sem comentários ainda

Quero deixar um comentário!